Mioma uterino: causas, sintomas e tratamentos

mioma uterino: causas, sintomas e tratamentos

O mioma uterino é um dos tumores pélvicos benignos mais comuns do aparelho genital feminino.

  • Colaboração e revisão científicaDr. Daniel Pereira da SilvaMédico obstetra e ginecologista

Entre 30 a 60 por cento da população feminina tem miomas uterinos, um tumor pélvico benigno constituído por células musculares do miométrio – uma das camadas da parede do útero. Sendo que uma em cada 10 mil mulheres que tem miomas uterinos podem desenvolver a sua malignização. A idade em que o mioma uterino tem maior incidência é dos 40 aos 50 anos. E as mulheres de raça negra têm mais 10 a 20 por cento de probabilidade de sofrer de miomas em relação às caucasianas.

Causas dos miomas uterinos

Fatores como a idade, obesidade, dieta rica em carnes vermelhas e ingestão de álcool e o histórico familiar clínico podem favorecer o aparecimento de um mioma uterino. A progesterona e o estrogénio estimulam o desenvolvimento dos miomas, que podem ir crescendo até à menopausa.

Sintomas

  • Hemorragias
  • Distensão e desconforto pélvico
  • Dor abdominal e pélvica, nas costas ou durante as relações sexuais
  • Incontinência
  • Infertilidade

Os contracetivos hormonais podem ajudar no alívio dos sintomas do mioma uterino, nomeadamente no controlo de hemorragias. Durante a menopausa não há sintomas, basta a vigilância clinica, pois a probabilidade de o mioma diminuir é elevada.

Como se faz o diagnóstico

O diagnóstico do mioma uterino é feito no consultório. Caso não se chegue a uma conclusão, opta-se por uma ecografia pélvica, ressonância magnética ou histerossonografia.

Os tratamentos do mioma uterino

  • Farmacológico – agonistas GnRH (injectáveis) e acetato de ulistripal (via oral).
  • Cirúrgico – miomectomia ou histeroctomia.

Especial atenção na gravidez

O número de miomas e a sua localização podem afetar a implantação do embrião, na primeira fase de gestação, resultando em possíveis abortos ou partos prematuros. Já no parto podem surgir complicações causadas pelo mioma uterino:

  • O bebé pode estar mal posicionado para um parto vaginal;
  • Pode causar dificuldades na cesariana;
  • Nascer prematuro;
  • Ocorrer uma hemorragia pós-parto ou placenta prévia.
Última revisão: Maio 2016

artigos recomendados

Previous Next
Close
Test Caption
Test Description goes like this