O medo de falhar no trabalho leva-me a recusar novos desafios

«Muito do que sentimos não deve ser levado a sério, pois o medo tem origem no nosso cérebro “primitivo” e emocional. Será o medo de falhar realista e fundamentado ou estará a criar uma dúvida excessiva que o paralisa?

Procure avaliar se tem as competências necessárias para esse trabalho, se as suas experiências passadas foram bem-sucedidas e se pode aprender a partir do fracasso. Tenha também em atenção o seu comportamento e a maneira como os outros o veem.

«Tolere a incerteza do que ainda não conhece, aceitando uma margem de imperfeição»

Se já comentaram que é demasiado crítico, que não reconhece o seu valor pessoal, se o seu estado de humor é otimista e lutador ou se é mais retraído e pessimista. A sua resposta perante estas situações dar-lhe-á pistas sobre se a dúvida é infundada ou não.

Converse com alguém de confiança e tente reavaliar as regras que usa. Por exemplo, “sou competente, mas não preciso de ser perfeita num novo desafio” e “novas experiências implicam tentar e errar por passos imperfeitos”. Tolere a incerteza do que ainda não conhece, aceitando uma margem de imperfeição e de que não precisamos de resposta para tudo, permite agir no presente de modo mais confortável», esclarece Fernando Lima Magalhães à Revista Prevenir.

Última revisão: Maio 2016

artigos recomendados

Previous Next
Close
Test Caption
Test Description goes like this