Exercícios anti-stress

Exercícios anti-stress

Se quer aliviar a tensão e o cansaço acumulado este treino anti-stress é para si.

  • IlustraçãoAna Ramos

  • PorHolmes Place

A Revista Prevenir pediu ao Holmes Place um circuito de exercícios anti-stress. O resultado é este plano de treino composto por quatro posturas. Os exercícios anti-stress podem ser feitos de manhã, se acorda com pouca vitalidade, ou ao final do dia, se é nessa altura que acumula cansaço e precisa de aliviar a tensão.

Treino anti-stress

«A permanência em cada uma destas posturas estimula o sistema endócrino. Desta forma, reduz os níveis de cortisol (hormona do stress) e estimula a produção das hormonas do bem-estar», efere Teresa Viana, professora de ioga.

1. Carpa e cobra

Carpa e cobra

De gatas, com as mãos no chão, afastadas e alinhadas com os ombros, assente os dedos dos pés no chão e erga bem as ancas. Os pés deverão estar alinhados com as ancas, os joelhos fletidos e os calcanhares levantados do chão. Empurre as omoplatas para baixo, na direção da cintura e direcione os calcanhares para o chão. Realize, na posição da carpa, uma inspiração e expiração. Ao inspirar, passe para a posição da cobra. Desloque todo o corpo para a frente e para cima. Levante o centro do peito em direção ao céu e olhe em frente. Contraia a parte da frente do corpo e empurre o chão, sem descair os ombros. Apoie os joelhos no chão se necessitar de aliviar a tensão lombar. Repita ao longo de quatro a 12 ciclos respiratórios.

Cada ciclo respiratório inclui, uma inspiração e uma expiração

2. Ponte anti-stress

Ponte anti-stress

Deite-se de costas, com os joelhos fletidos e os pés alinhados com as ancas e paralelos. Numa expiração, contraia os músculos abdominais, das nádegas e da região pélvica. Eleve as ancas do chão. Entrelace os dedos por baixo de si e empurre os braços na direção dos pés. Junte as omoplatas e suba todo o corpo. Abra o peito e erga-o o máximo que conseguir. Repita ao longo de quatro a 12 ciclos respiratórios.

3. Torção anti-stress

Torção anti-stress

Deite-se de costas, e leve os joelhos ao peito e afaste os braços, alinhando-os com os ombros. Deixe que os joelhos descaiam até um dos lados do corpo e vire a cabeça para o lado contrário. Depois, estique as pernas até onde se sentir confortável. Liberte a tensão dos pés, das mãos, dos ombros, pescoço e costas. Repita para cada um dos lados ao longo de quatro a 12 ciclos respiratórios.


4. Pernas contra a parede

Pernas contra a parede

Deitado de costas no chão e pernas encostadas a uma parede, com as coxas e nádegas o mais perto possível da parede e os pés à largura das ancas, liberte a tensão das pernas, de toda a coluna vertebral e tome consciência do efeito calmante da posição durante quatro a 12 ciclos respiratórios ou até mais. É a posição final e ideal para libertar a tensão física e mental causada pelo stresse.

Última revisão: Setembro 2016

Mais sobre:

Experimente

artigos recomendados

Previous Next
Close
Test Caption
Test Description goes like this